top of page
  • Foto do escritorJefferson W. Santos | Ad Astra

O ambiente aeroportuário e as competências necessárias

Atualizado: 20 de jan.





Três são as necessidades básicas de um bom gestor para ter uma gestão de sucesso. Primeira é a de conhecer, reunir os recursos e as condições adequadas para se realizar algum tipo de tarefa ou de atividade. Segunda é a de tomar decisões acertadas para solucionar problemas que surjam e terceira é saber interceder para promover condições adequadas para que as pessoas a sua volta consigam realizar suas atividades empregando de forma adequada e segura suas competências.

As atividades que ocorrem em um ambiente operacional onde aeronaves, veículos e pranchas circulam tendem a ter muito mais risco e complexidade do que a gestão desenvolvida por equipes em um escritório, em um site de construção civil ou, ainda, em armazéns dentre muitas outras atividades coletivas de produção ou de serviços.

Todos os elementos em um ambiente aeroportuário sofrem interferências constantes de muitos fatores externos sejam físicos, climatológicos ou de ordem legislativa publica, nacional ou internacional.

Por experiência vivenciada em todos os ambientes acima citados e por mais de trinta e cinco anos em pousos e decolagens em ambientes de aeroporto, posso garantir que o profissional, tanto aeroviário como aeronauta, está plenamente credenciado para atuar -e se sair muito bem- em equipes multifuncionais em qualquer tipo de empresa fora de um aeroporto.

Desta forma, elaborei um treinamento no qual qualquer profissional atuante no apoio à despachabilidade de aeronaves ou operação de veículos ou equipamentos para o mesmo fim, possa conhecer a variada gama de fatores complexos ligados ao apoio à atividade aérea, ampliar seus conhecimentos em competências e desenvolver uma carreira diferenciada e de sucesso.

O foco do presente treinamento são soluções gerenciais para problemas corriqueiros e inusitados que ocorrem em ações coordenadas entres setores da mesma empresa e de empresas que apoiam a atividade aérea.

O presente treinamento, portanto, é voltado para desenvolver competências gerenciais, de processo decisório e de liderança entre funcionários de empresas envolvidas no apoio à atividade aérea.

Como as atividades no modal de transporte aéreo são revestidas de peculiaridades específicas, este treinamento foca o desenvolvimento de competências em atividades ocorridas em ambientes de elevada insalubridade, sejam elas acústica, térmica ou visual.


GESTÃO RESOLUTIVA

Resolver problemas ou situações intempestivas é o principal objetivo deste módulo.

Esta fase inicial do projeto visa apresentar características e peculiaridades das tarefas e de processos de apoio às atividades aéreas que se diferenciam em função de ocorrerem em ambientes inóspitos.

Em função das peculiaridades que diferenciam as atividades serão apresentadas ferramentas para desenvolver a consciência situacional, a autonomia e a proatividade de ações.

Os exercícios aplicados estimularão a avaliação da interferência de fatores externos na segurança operacional e na produtividade dos setores e das demais empresas que atendem ao apoio no ambiente aeroportuário.


O PROCESSO DECISÓRIO

Tendo a segurança operacional como foco e com base no desenvolvimento de competências para a gestão resolutiva, a próxima etapa será a de preparar os funcionários para avaliação do cenário e identificação e antecipação de problemas para a estruturação de um processo decisório.

Essa fase do treinamento estimula a visão integrada das atividades de apoio ao movimento de aeronaves e a capacidade de negociação com os demais setores e das empresas coligadas.


LIDERANÇA ASSERTIVA

Em função das diferenciadas peculiaridades do ambiente de atividades aéreas os profissionais em treinamento tornam-se aptos para desenvolver as competências diferenciadas de uma liderança assertiva. A principal característica é auxiliar seus colaboradores nos desempenhos de suas atividades sobretudo em um ambiente de elevada insalubridade e probabilidade de riscos.

Nessa ocasião haverá a oportunidade de se apresentar, debater e trabalhar as complexidades da liderança.


APLICAÇÃO de CASES

Com o objetivo de ampliar a interrelação entre líderes e funcionários de setores diferentes são apresentados CASES para estimular as competências trabalhadas nos módulos anteriores.

Este módulo permite a consolidação de todos os conhecimentos e as competências desenvolvidas nos módulos anteriores.

Serão aplicados cases envolvendo problemas de:

  • manutenção e de indisponibilidade inusitada de aeronave na área operacional;

  • acidentes envolvendo funcionários e equipamentos de apoio direto a aeronaves estacionadas no pátio de operações;

  • modificações de legislações e de normas de órgãos públicos, de agências reguladoras e empresas externas que interferem diretamente na atividade dos profissionais ligados ao apoio às atividades aéreas;

  • danos em estruturas e equipamentos de apoio ao atendimento de aeronaves;

  • interferências (paralizações ou atrasos deliberados) de atividades em função de ações de sindicatos de categoria;

  • problemas de comunicação; etc.


Este trabalho é fruto de minha experiência prática como piloto operando em muitos aeroportos no território nacional. Também guarda minha experiência como operador logístico (oficinas de aeronaves e setores de transporte) em apoio à atividade aérea e experiência de participação em prevenção de acidentes aeronáuticos como “ex-participante” do Sistema de Investigação e de Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (SIPAER).


Estou à sua disposição para maiores esclarecimentos.

Parabéns pela escolha dessa maravilhosa profissão e sucesso em sua jornada.

Deus lhe abençoe e proteja.


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

DECISÃO

Comments


bottom of page